terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

O professor do século 21

 Infográfico mostra como as TICs (tecnologias de informação e comunicação) ajudam educadores a promover aulas diferentes em diferentes ambientes






Créditos:
Conteúdo e infografia: Giulliana Bianconi (conteúdo), Leandro Bevilacqua (criação), da Edelman Significa; animação e programação: V6.


segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

Facebook: dicas para pais e professores

Recebi essa dica da Cybele Meyer do Blog Educa Já via facebook  e compartilho:

A central de segurança do facebook oferece dicas para pais e professores de como auxiliar o aprendizado das crianças e adolescentes no mundo digital. Na página destinada aos professores você encontra:
  • Modelo de cidadania
  • O Facebook na sala de aula
  • Pessoal e Profissional
  • Como manter sua privacidade
  • Denunciar abuso
  • Dica para professores
  • Guia do Facebook para educadores
Clique aqui para saber mais.

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

Livros sobre políticas públicas na educação para download

Preocupada com a qualidade da educação brasileira a Editora Moderna apoia a publicação, edição e distribuição gratuita de livros que contribuem para formação e reflexão de políticas públicas na área de educação.
Os textos escritos por especialistas, em parceria com a Fundação Santillana, agora estão disponiveis em versão digital:

  • Institutos Federais - Uma Revolução na Educação Profissional e Tecnológica
  • A Revolução Republicana na Educação - Ensino de Qualidade para todos
  • A Urgência na Educação
  • Políticas Sociais - Ideias e Prática
  • Da CONAE ao PNE 2011 - 2020 - Contribuições do Conselho Nacional de Educação
  • Por um Sistema Nacional de Educação
  • Políticas Educacionais - Sugestões para melhorar a educação básica: estudo comparativo entre a Espanha e o Brasil
  • Escolas de Valor - um retrato de seis experiências bem -sucedidas na educação pública brasileira
  • Qualidade na Educação - A luta por melhores escolas em São Paulo e Nova York
Aqui você encontra os livros em versão livro digital e versão para download.


Quer mais?



sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

Será que de fato as escolas (com todos e tudo ) consideram os saberes dos alunos?

A educação e suas discussões caminham numa velocidade que é difícil acompanhar. Tentamos. Se conseguimos, não sei.
Hoje retomando algumas leituras encontrei o livro "O Construtivismo na Sala de Aula (1998) e com ele um texto de Mariana Miras que nos alerta sobre os conhecimentos prévios, saberes dos alunos, pensamentos dos alunos ou outra classificação que desejarem:

(...) se nos colocarmos na perspectiva do aluno, na lógica da concepção construtivista, é possível afirmar que sempre podem existir conhecimentos prévios a respeito do novo conteúdo a ser aprendido, pois, de outro modo, não seria possível atribuir um significado inicial ao novo conhecimento, não seria possível a sua "leitura" em uma primeira aproximação. (p.62)

Se o professor apresentar, mesmo sem ter consciência, uma concepção tradicional, terá a facilidade de observar e considerar os conhecimentos prévios dos alunos? 
É preciso cuidar para que o discurso não se afaste da prática. Sempre digo que prefiro o profissional que diga "alfabetizo com as sílabas (o que não significa a minha concordância com a silabação), do que aquele que diz considerar os saberes dos alunos, mas denúncia a sua prática no dia - a - dia da escola.

Proponho uma discussão na tentativa de responder a pergunta:

Será que de fato as escolas (com todos e tudo ) consideram os saberes dos alunos?

Para saber mais:
O Construtivismo na sala de aula - Editora Ática.




sábado, 11 de fevereiro de 2012

Algumas "coisas" da #Educaparty!


A Educaparty acabou!
A semana de 07 a 10 de fevereiro foi intensa em aprendizados, trocas, boas conversas, boas histórias, muito respeito, novas vivências, novas amizades e a certeza de que estamos preocupados com a educação de qualidade.  Precisamos continuar nossas conversas por aqui e em todas as redes que frequentamos.
Compartilho com todos um pouco dos debates e conversas que vivenciei por lá e que já estão disponiveis na web.

Dinâmica de Integração
No dia 07 participei da dinâmica de integração realizada pelo Instituto Tellus e o Instituto Educadigital. Além de proporcionar a integração dos participantes a dinâmica possibilitou a reflexão da importância de estarmos inteiros nas atividades, dispostos a ouvir e a trocar experiências sempre respeitando a diversidade.

A Profª Lea Fagundes contribuiu com a seguinte pergunta: "Por que ensinar a história dos Bourbons ou de outras dinastias de reis se não sei a história do menino que está sentado à minha frente na escola?

Encontro com Sugata Mitra
Bem humorado Sugata Mitra fez provocações do "bem" e sai com a certeza de que saber o que sabem e pensam as crianças é o caminho para a qualidade e sucesso na educação.
Segue o vídeo da palestra de Sugata Mitra no Campus Party na abertura oficial




Para saber mais:

    Digi_Tas - Internet e Educação - Programa de 08/02/2012
    O que é Digi_Tas Speedy?
    Um programa colaborativo que fala de educação, cultura, relacionamento e entretenimento do universo digital que só poderia ser apresentado por Macelo Tas. Na Educaparty o tema do Digi_Tas Speedy foi Educação e Internet.



    Debate Inclusão e Mídias Digitais
    A comunicação e o acesso ao conhecimento sempre foi um desafio para as pessoas portadoras de deficiências. Cada vez mais, as tecnologias digitais, através de ferramentas de acessibilidade tem tomado esses obstáculos menores. Práticas de inclusão digital e social serão apresentadas nesse debate, para responder a seguinte reflexão: as tecnologias digitais podem ser de fato inclusivas? (via Educarede)
    Assista o vídeo do debate aqui
    Durante o debate a Profª Mary Grace sugeriu o vídeo Los colores de las flores:



    A educação vai reeducar? Alunos x Professores - Academia x Mercado




    Celular na Educação
    O uso de dispositivos móveis como o telefone celular vem sendo incorporado no dia -a - dia da escola ou de ONGs e instituições educativas em contato direto de crianças e adolescentes. De que forma o celular pode ser incorporado às práticas educativas e o que de fato o uso desse recurso pode impactar na aprendizagem dos alunos? ( via Educarede)

    Assista  aqui

    Para saber mais sobre o Celular na Sala de aula:
    Oficina Vídeo Bolso- Dia 1



    Oficina Vídeo de Bolso - Dia 2




    Oficina REA

    A ideia dos Recursos Educacionais Abertos (REA) está baseada na concepção de que o conhecimento é um bem da humanidade e deve, portanto, estar acessível a todos.

    Para saber mais:

    segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

    "Escola do Futuro” ajuda a colocar os professores na rede

    Participei do Projeto EntreMeios em São Bernardo do Campo  e a experiência foi incrível. A Rede já apresentava um percurso significativo com a tecnologia educacional e considerar os saberes dos profissionais foi essencial para o bom andamento dos grupos que atuei.


    "Escola do Futuro” ajuda a colocar os professores na rede


    O conceito de educação formado à época da revolução industrial em que os alunos se limitavam ao professor e à sala de aula está defasado.

    O avanço da tecnologia, que oferece diversas ferramentas multimídias em um único aparelho, como smartphones e tablets, faz qualquer ato rotineiro ficar mais dinâmico.

    Nesse contexto, as instituições de ensino devem buscar ferramentas e metodologias que acompanhem esse movimento a fim de ganhar atenção dos alunos contemporâneos.

    Buscando esse conceito, a Secretaria de Educação de São Bernardo do Campo firmou em 2011 parceria com o Núcleo de Apoio à Pesquisa denominado “Escola do Futuro” da Universidade de São Paulo (USP).
    Por meio do projeto Entremeios, foi criada uma rede social para formação de 600 professores para uso de novas tecnologias na sala de aula, já que a atividade das pessoas nas redes sociais é maior do que nos ambientes convencionais de educação e à distancia.

    “A ideia era formatar os professores para transitar dentro dessa rede de forma rápida. A Prefeitura de São Bernardo recebeu 15 mil laptops educacionais, direcionados às escolas de rede municipal, mas era preciso saber como utilizá-los, como torná-los úteis do ponto de vista pedagógico para o aluno. E por isso deu-se essa parceria com a Escola do Futuro”, explica Samantha Kutscka, relações institucionais da Escola do Futuro.

    De acordo com Samantha, essa convergência de multimídias em um único aparelho permite que o aluno aprenda da maneira que julgar mais confortável.

    “Para isso, é necessário que o professor auxilie nessa fase. O educador passa a ser um tutor do aluno, ele auxilia para que o aluno busque o conhecimento. Isso é uma quebra de paradigmas. Produzir significa aprender, é ser sujeito ativo do seu próprio conhecimento” diz.

    A rede formatada para educação digital dos professores tem ferramentas nos formatos do Facebook, Twitter, além de blogs.

    “O objetivo é fazer com que os educadores desenvolvam ferramentas educacionais que possam ser utilizadas pelos alunos, além de desenvolver suas próprias habilidades com a Internet. Os professores são imigrantes digitais e tem dificuldades nessas mídias. Justamente por isso, têm consciência de que precisam mudar a metodologia para entreter o aluno”, avalia Kátia Duarte Cruz Rocha, gestora de educação tecnológica da Secretaria da Educação de São Bernardo do Campo.

    De acordo com Kátia, essa nova geração traz alunos nativos digitais. “A educação não pode negar esse avanço de mudança de cultura e por isso precisamos nos apropriar dessas tecnologias. O professor precisa ter cada vez mais à disposição ferramentas para usar no programa pedagógico”, argumenta.

    Esse programa de ampliação tecnológica em educação da secretaria de educação mais a prefeitura municipal vem acontecendo desde 2010, com renovação de máquinas das escolas. “Fizemos investimentos em infraestrutura em 71 laboratórios de informática, infovias para acesso à Internet, além da aquisição de laptops educacionais”, diz.

    Neste ano, deve ser concluído um convênio com a Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) para formação de mais 1.100 educadores para uso de laptops educacionais.

    Acessado em 06/02/2012 - Portal do Aprendiz





    Faça download da reportagem aqui.














    quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

    Livro: “Por que mudar a Lei de Direito Autoral? Estudos e Pareceres”

    A obra “Por que mudar a Lei de Direito Autoral? Estudos e Pareceres”   reúne os estudos realizados pelo Grupo de Estudos de Direito Autoral e Informação – GEDAI, nos ciclos de debates ocorridos no transcorrer do último ano, somados aos pareceres dos professores José de Oliveira Ascensão, Newton Silveira, Denis Borges Barbosa, Karin Grau-Kuntz, Gert Würtenberger e Luiz Gonzaga S. Adolfo.

    Considero que precisamos estudar essa questão nos diferentes grupos que frequentamos e/ou acessamos e disseminar a importância dos profissionais da educação estarem atentos ao assunto.







    Atalho do Facebook

    Sobre...

    2013 5ª ENEX 5º ENEX 5º Fnex Acervo Revista Ciência Hoje Acessos Administração Municipal Adriana Falcão Amigo Animação Aprender a Aprender aprendizagem Araquém Alcântara Artes Assédio Moral Atividades Educativas Áudio autismo Avaliação Biblioteca Bicudas Bienal blog Blog do Sítio Boas Festas Brasília calvin Campus Party Cecília Meireles Celular Cenp Centro Educacional Pioneiro Charge Cidade dos Meninos Cidade Interativa Ciência e Tecnologia Colégio Caminhar Computador em sala de aula CONAE Concursos Conhecimento Conhecimentos Prévios Contação de Histórias Coordenador Pedagógico Cortinas Creative Commons Cultura Digital Currículo currículo nacional Cursos online Débora Martins Desenho Infantil Desenrolando a fita Deu Paula na TV Dica de Leitura Dicas Dicionário CC Direito Autoral Diversidade Documentário download Drive Thru de Oração e-book EAD eBooks ECA Editor de Imagem educação Educação e Formação Educação e Gripe Educação e Mudança Educação e Trabalho Educação e trabalho em equipe Educação Familiar Educação Inclusiva Educação Infantil Educação Inovadora Educação Pública EducaParty Elie Bajard Ensino de Tempo Integral Escola Escola da Ponte Escola de Governo Escola do Futuro Escola Pública Escola Reflexiva Estágio Facebook Família Feira Literária FENTEC Férias Férias;Material Escolar Fernando Pessoa Filmes Filosofia Folclore Formação Foto Flex Fotografia Fundação Lemann Gadotti Gestão Escolar google Guia da Reforma Ortográfica Helena Negreiros História da Escrita Honoris Causa Imagem Imagens Free Inclusão Inclusão Digital Índio Índio Educa Inquietações Intervenção Isabel Alarcão João Acaiabe jogo da memória Jogos Jogos do Brasil José Manuel Moran José Pacheco Leis Leitura Leitura Digital Leitura e Tecnologia Líder Liderança Líderes em Gestão Escolar Links listas de palavras Literatura livro digital livro virtual Livros livros acadêmicos lixo eletrônico Luciana Trocolli Lula Maria Helena Negreiros Marina Colasanti Matemática MEC Meio Ambiente migração do blog Minhas Anotações Monteiro Lobato Mundo do Sítio Museu Virtual Música O que é um wiki? Online Convert Open Education Week 2012 parceria Paulo Freire Paulo Freiris Pesquisa Pilar Lacerda Pinterest Pipal de Papel Planejamento PNE Poemas e Poesias Política Pública portfolio Prática Pedagógica Prezi Processo Criativo Professores Profissão Educador Progressão Continuada Project Gutenberg Projeto EntreMeios Projeto Político Pedagógico Projetos Prova Brasil REA REA Brasil Reajuste Salarial Rede In_Formação Redes Sociais Reflexão registro respeito Reunião com pais Revista Educação Pública Revista Época Revista Espírito Livre Rio+20 Roteiro de Vídeo Ruth de Aquino Saberes dos Alunos Sala de Aula Santo André Saresp Seminário Sérgio Amadeu SESC Simpósio Caminhar Site Situação de Aprendizagem Software Livre Tablets Tarsila do Amaral Tatiana Belinky Teatro Tecnologia Tecnologia;Lea Fagundes TEDxRio Tempo Tendências Pedagógicas Território do Brincar Trabalho Coletivo TV Escola Twitter Twitter Mix UNB Undime Unesp Uso da internet USP Vídeo Vìdeo Vídeo Educacional Vídeo Educacional; Voxli Webinar Wiki ZooBurst

    Livres para pensar...

    Pesquisar este blog

    Siga o blog por e-mail

    Quem sou eu

    Minha foto
    São Bernardo do Campo, São Paulo, Brazil
    Professora, Pedagoga,Psicopedagoga, Mestranda em Educação, esposa, mãe,formadora de professores.

    Eu participo....

    Postagem Recente...