sábado, 31 de outubro de 2009

Incentivar o Corporativismo

A Revista Nova Escola edição Gestão Escolar, publicou uma reportagem sobre corporativismo na escola. Vale a pena ler.

 

INCENTIVAR O CORPORATIVISMO

Questões pessoais não podem ser colocadas à frente do ensino

Daniela Almeida gestão@aleitor.com.br

 

Corporativismo é a doutrina que considera os agrupamentos profissionais uma estrutura fundamental da organização política, econômica e social. Ele preconiza a reunião das classes produtoras como corporações tuteladas pelo Estado. Na gíria popular, é a defesa dos interesses específicos de uma categoria funcional, o tal “espírito de corpo”.

Na escola, ele se traduz muitas vezes no acobertamento de atitudes não profissionais, como relevar o fato de um professor faltar muito. O problema é que essa defesa de interesses pessoais quase sempre está em dissonância com o principal objetivo da escola, que é ensinar.

“Existe no Brasil uma confusão entre o corporativismo, que é uma lógica protetora de classe, e a prática de obter privilégios e realizar ações abusivas”, afirma José Roberto Heloani, professor do Laboratório de Gestão Educacional da Faculdade de Educação da Universidade Estadual de Campinas. “O corporativismo nas escolas é proporcional à não resolução do conflito, como o professor que não exige resultados da turma por não se sentir apoiado ou o coordenador que acoberta a falta de docentes usando os baixos salários como justificativa”.

Maria Leila Alves, professora de Políticas e Gestão Educacional da Faculdade de Educação da Universidade Metodista de São Paulo, em São Bernardo do Campo, município da Grande São Paulo, acha que essa é uma questão que remete à própria imagem que a escola tem hoje. “Ela é vista como uma fábrica de entregar diplomas. Isso ajuda a esvaziar o valor do conhecimento e os educadores, sentindo-se meros repetidores de conteúdos colocam questões pessoais acima do profissionalismo”.

Para combater práticas corporativistas, é preciso jogo de cintura. Cabe ao gestor apoiar atitudes corretas e não acobertar posturas antiprofissionais – além, obviamente, de manter uma conduta coerente com o discurso.

O problema são as faltas dos professores? É preciso mostrar as consequências disso, como a diminuição do tempo de aula e o exemplo de pouco caso com o ensino que eles estão transmitindo. Sem falar na falta de respeito para com os estudantes e os próprios colegas, que precisam se virar para cobrir as ausências.

Os docentes usam o horário de trabalho pedagógico coletivo para resolver problemas pessoais? Isso é sinal de que os momentos de formação não estão sendo valorizados e que está na hora de envolver a coordenação pedagógica na organização de um programa mais focado nas necessidades de aprendizagem dos alunos.

Portanto, trabalhar para evitar que na escola haja o corporativismo e as atitudes não profissionais que ele traz é um passo importante para valorizar a Educação, o conhecimento e o papel do educador.

Quer saber mais?

Contatos:

· José Roberto Heloani, jheloani@fgvsp.br

Maria Leila Alves, mleila@terra.com.br

Fonte: Ano 1 – Nº 4 -Revista Nova Escola —Gestão Escolar  Outubro/Novembro 2009

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por contribuir com esse espaço de informação.

Atalho do Facebook

Sobre...

2013 5ª ENEX 5º ENEX 5º Fnex Acervo Revista Ciência Hoje Acessos Administração Municipal Adriana Falcão Amigo Animação Aprender a Aprender aprendizagem Araquém Alcântara Artes Assédio Moral Atividades Educativas Áudio autismo Avaliação Biblioteca Bicudas Bienal blog Blog do Sítio Boas Festas Brasília calvin Campus Party Cecília Meireles Celular Cenp Centro Educacional Pioneiro Charge Cidade dos Meninos Cidade Interativa Ciência e Tecnologia Colégio Caminhar Computador em sala de aula CONAE Concursos Conhecimento Conhecimentos Prévios Contação de Histórias Coordenador Pedagógico Cortinas Creative Commons Cultura Digital Currículo currículo nacional Cursos online Débora Martins Desenho Infantil Desenrolando a fita Deu Paula na TV Dica de Leitura Dicas Dicionário CC Direito Autoral Diversidade Documentário download Drive Thru de Oração e-book EAD eBooks ECA Editor de Imagem educação Educação e Formação Educação e Gripe Educação e Mudança Educação e Trabalho Educação e trabalho em equipe Educação Familiar Educação Inclusiva Educação Infantil Educação Inovadora Educação Pública EducaParty Elie Bajard Ensino de Tempo Integral Escola Escola da Ponte Escola de Governo Escola do Futuro Escola Pública Escola Reflexiva Estágio Facebook Família Feira Literária FENTEC Férias Férias;Material Escolar Fernando Pessoa Filmes Filosofia Folclore Formação Foto Flex Fotografia Fundação Lemann Gadotti Gestão Escolar google Guia da Reforma Ortográfica Helena Negreiros História da Escrita Honoris Causa Imagem Imagens Free Inclusão Inclusão Digital Índio Índio Educa Inquietações Intervenção Isabel Alarcão João Acaiabe jogo da memória Jogos Jogos do Brasil José Manuel Moran José Pacheco Leis Leitura Leitura Digital Leitura e Tecnologia Líder Liderança Líderes em Gestão Escolar Links listas de palavras Literatura livro digital livro virtual Livros livros acadêmicos lixo eletrônico Luciana Trocolli Lula Maria Helena Negreiros Marina Colasanti Matemática MEC Meio Ambiente migração do blog Minhas Anotações Monteiro Lobato Mundo do Sítio Museu Virtual Música O que é um wiki? Online Convert Open Education Week 2012 parceria Paulo Freire Paulo Freiris Pesquisa Pilar Lacerda Pinterest Pipal de Papel Planejamento PNE Poemas e Poesias Política Pública portfolio Prática Pedagógica Prezi Processo Criativo Professores Profissão Educador Progressão Continuada Project Gutenberg Projeto EntreMeios Projeto Político Pedagógico Projetos Prova Brasil REA REA Brasil Reajuste Salarial Rede In_Formação Redes Sociais Reflexão registro respeito Reunião com pais Revista Educação Pública Revista Época Revista Espírito Livre Rio+20 Roteiro de Vídeo Ruth de Aquino Saberes dos Alunos Sala de Aula Santo André Saresp Seminário Sérgio Amadeu SESC Simpósio Caminhar Site Situação de Aprendizagem Software Livre Tablets Tarsila do Amaral Tatiana Belinky Teatro Tecnologia Tecnologia;Lea Fagundes TEDxRio Tempo Tendências Pedagógicas Território do Brincar Trabalho Coletivo TV Escola Twitter Twitter Mix UNB Undime Unesp Uso da internet USP Vídeo Vìdeo Vídeo Educacional Vídeo Educacional; Voxli Webinar Wiki ZooBurst

Livres para pensar...

Pesquisar este blog

Siga o blog por e-mail

Quem sou eu

Minha foto
São Bernardo do Campo, São Paulo, Brazil
Professora, Pedagoga,Psicopedagoga, Mestranda em Educação, esposa, mãe,formadora de professores.

Eu participo....

Postagem Recente...